Lista de símbolos astrológicos


Uma das primeiras coisas que a gente tem de aprender quando começa a estudar magia são os símbolos astrológicos.
Isso porque para conseguir usar as correspondências corretamente é preciso saber ler os símbolos da astrologia. Então catei essa listinha básica (veja crédito no final do post) e agregeui aqui no blog, para ficar mais fácil de consultar.


Os planetas (FONTE: SITE SOMOS TODOS UM)






Sol: Um círculo com um ponto central. Representa o íntimo do homem, seu Eu Superior, é o espírito divino sendo encarnado. Pai.

Lua: Representa a alma, reflexo do espírito divino, representando a percepção, a imaginação e a sensibilidade. Mãe.



Mercúrio: Aqui temos reunidos os três símbolos básicos: a alma sobre o espírito dominando o corpo físico. A alma ainda domina o espírito e consequentemente a matéria, indicando a imperfeição do pensamento humano. Razão.

Vênus: O círculo superior, força do espírito, procura dominar a matéria e vencê-la. Filha.

Marte: A princípio a seta deveria ser indicada como uma cruz inclinada, expressando o domínio dos impulsos físicos e materiais sobre o espírito. Filho.

Júpiter: O meio-círculo (da alma) procura se elevar acima da matéria (cruz). Expansão da alma.

Saturno: A matéria (cruz) domina a alma (meio círculo). O corpo material é uma limitação aos anseios de elevação da alma. Limite, carma.

Urano: Dois semicírculos, uma cruz central sobre um círculo. São as duas almas; a divina e a humana se juntam com o corpo para conseguir a expansão espiritual. Alguns astrólogos lembram também que Herschel, o descobridor de Urano, tem em seu nome um H que lembra o símbolo de Urano: será coincidência?

Netuno: Semicírculo (virado para cima) sobre a cruz, indica que a alma está em atitude de recepção das forças espirituais para a sua evolução sobre a matéria.

Plutão: é o espírito dominando a alma e a matéria. O espírito (círculo) está acima, dominando a humanidade. Sem dúvida nossa meta derradeira.

Terra: É o círculo com a cruz dentro. O símbolo também pode ser um círculo com um traço vertical e dois cortes horizontais, um em cima do outro. As vezes, a Terra é representada também com um circulo dominado por uma cruz. Aqui a matéria está acima e limita a ação do espírito. 


Os signos (FONTE: SITE SOMOS TODOS UM)

Áries: representa o curso d’água que jorra, se eleva, chega ao auge e se precipita para baixo num movimento contínuo.

Touro: representa o rodamoinho, permitindo que o homem utilize o potencial da energia gerada.

Gêmeos: é a água canalizada numa direção pela intervenção da engenhosidade humana.

Câncer: representa a elevação da água, os círculos representando os cubos d’água como ondas revoltas. Para retirarmos a água do rio, imergimos um recipiente contra o sentido da corrente e então retiramos a água contra a corrente. Câncer simboliza a retirada da água, seu uso e o retorno da água não usada para dentro da correnteza.

Leão: representa o rodamoinho que se forma no meio da correnteza, com seu ápice de potencial. Se eleva em vórtices para precipitar de novo rio abaixo.

Virgem: representa a diminuição da velocidade da correnteza por causa dos obstáculos encontrados sob a superfície. É a água represada, o estancamento do líquido que, sob a pressão da corrente, tende a voltar à superfície mediante um movimento retrógrado.

Libra: representa o equilíbrio hidráulico conseguido com vasos comunicantes. Canalizamos as forças energéticas buscando complementos.

Escorpião: representa o potencial de volume líquido, a pressão máxima da correnteza que, canalizada, não agüenta a pressão e explode na direção da flecha. É como a válvula de uma panela de pressão.

Sagitário: representa a velocidade com que a água se desloca e sua direção primária. Procura seu destino final, passando por cima dos obstáculos materiais.

Capricórnio: representa uma queda d’água, uma cascata, um lugar alto de onde a água se precipita. Ela gera energia pela força de seu próprio movimento.

Aquário: representa o aumento de velocidade provocado pela queda, com todo seu potencial de energia. A água está revolta, mas já procura uma nova estabilidade.

Peixes: representa a mudança de velocidade, porque a direção da corrente mudou pela ação da queda d’água. Essa modificação de curso causa novas turbulências. E o rio continua na direção do mar.



para ler o posto original do SOMOS TODOS UM, CLIQUE AQUI.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique por dentro das promoções!

Subscribe to our mailing list

* indicates required
Email Format

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...