Curiosidades sobre os Contos de Fada

Achei dois posts interessantíssimos sobre contos de fada, sua origem, as várias versões e as versões originais dos contos, seus autores, e que tais.

A Verdadeira Inocência dos Contos de Fadas, de Marcus Vinicius Pilleggi, do Portal da Arcádia,


e

 A verdade e a origem dos contos de fada, da Lia Camargo.

Leia agora um trechinho do post da Lia, só pra dar água na boca:



O conto original de A Bela Adormecida (Belle au bois Dormant) foi escrito pelo francês Charles Perrault em 1697 e depois ganhou uma versão dos alemães Irmãos Grimm (com o nome Little Brier-Rose). Mas antes disso, em 1634, o italiano Giambattista Basile havia publicado um conto muito semelhante chamado Sol, Lua e Tália (Sun, Moon, and Talia) que foi a inspiração de Perrault e do conto que conhecemos.

O conto

"Uma farpa de linho entra sob a unha da princesa Tália e ela imediatamente cai morta. O rei coloca sua filha em uma cadeira de veludo do palácio, tranca e parte para sempre, pra apagar a lembrança de sua dor.


Algum tempo depois, outro rei estava por ali caçando e encontra Tália. Ele apaixona-se por sua beleza mas como não consegue acordá-la, a estupra e vai embora. Nove meses depois Tália dá a luz a gêmeos, Sol e Lua, mas continua adormecida. Um dia um dos bebês não encontra seu seio para mamar e coloca a boca no dedo da mãe e suga. Suga com tanta força, que extrai a farpa e faz despertar.

Um dia o rei lembra de “sua aventura” com Tália e resolve ir visitá-la. A esposa do rei descobre o caso e manda cozinhar as duas crianças e serví-las para o rei. Mas o cozinheiro prepara cabritos no lugar. Depois a rainha manda buscar Tália para lançá-la ao fogo, mas o rei chega e lança a própria esposa no lugar de Tália. Ele casa-se com Tália e vive com ela e seus filhos.


***


No conto original ela se chamava Tália, na versão de Perrault o nome da princesa foi omitido e em 1888, quando Tchaikovsky compôs o balé de A Bela Adormecida, ele nomeou a princesa como Aurora, inspirado pelo nome de sua mãe.

O filme da Disney foi lançado em 1959 e é baseado na versão de Perrault. A maior parte da trilha sonora do filme são adaptações das canções do balé de Tchaikovsky.

Aqui no blog eu publiquei várias histórias lindíssimas do livro da Clarissa Pinkola Estés, Mulheres que corem com os lobos, e também outras histórias, com a tag Histórias Inspiradoras, e Contos de Fada (eu coleciono versões diferentes dos mesmos contos).

Veja os links:
Leia mais sobre o livro da Clarissa Pinkola Estés AQUI.
Leias as outras histórias do livro da Clarissa Pinkola Estés AQUI.

Outras histórias nestes links :

Histórias Inspiradoras
Contos de Fada
Historias para Mulheres

E ainda, os links sobre Mitologia:

Mitologia
Mitologia Celta

Mitologia Egípcia
Mitologia Hindu 
 Mitologia Grega
Mitologia Romana
Mitologia Mesopotâmica

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique por dentro das promoções!

Subscribe to our mailing list

* indicates required
Email Format

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...