Eu Indico - Diálogos com o Anjo, de Gitta Mallasz

Fiquei sabendo desse livro e não posso perder a chance de indicar.

Diálogos com o Anjo, de Gitta Mallasz.



Aqui tem uma matéria muito boa, no blog Stigmatized Girl.

Aqui tem mais informações sobre o livro e a autora.

E a seguir um trecho inédito de Gitta, só para ter uma idéia do tipo de coisa maravilhosa que ela escreveu:

TRANSMITIR

Transmitir o que?
A luz do Céu para que ela possa AGIR na terra.

Transmitir
para quem ?
Para os que sofrem falta de algo e que pedem ajuda.

Transmitir
como ?

Atenuando a intensidade da luz para um grau assimilável por aquele que é ajudado.
Transmitir
é uma das maiores leis que você nos ensinou.

Não esqueci nada, espero ... – tudo me parece tão essencial :
Transmitir é impossível ... quando somos impulsionados pela boa vontade.
Transmitir
é impossível … quando nossa motivação é compartilhar a dor do outro.

Transmitir
é impossível …se o que nos anima são elans de caridade, nobres ou mesquinhas.
Transmitir só é possível acima de qualquer sentimento.
Transmitir
toca uma área de forças incandescentes, forças sagradas além de qualquer de qualquer qualidade definível pelo ser humano.
A força transmitida, no entanto, usa a qualidade, precisamente definida, que é necessária para a ajuda em questão.
É para o desvio possível que você chama a minha atenção…
Entre os que são capáveis de Transmitir, muito poucos sabem evitar isso.

Muito poucos são conscientes o necessário para evitar esse desvio.

Do que se trata ?
A pessoa que é ajudade acredita frequentemente que aquele que transmite é a própria fonte de ajuda.
E aqui, tudo pode se corromper.

Observei quando Lili foi alertada contra o perigo que ronda à volta (dela, e não da pessoa ajudada)


Lili transmite amor à uma pessoa cujo coração está seco,
e você a coloca em guarda :
QUE NÃO SEJA VOCÊ QUE AS PESSOAS AMEM ... por causa da ajuda.

Lili transmite esperança a um desesperado,
e você a avisa :
QUE NÃO SEJA EM VOCÊ QUE COLOQUEM AS ESPERANÇAS ... en troca da ajuda.

Lili transmite uma fagulha de fé a alguém que não acredita em mais nada,
e você a adverte : 
QUE NAO SEJA EM VOCÊ QUE AS PESSOAS ACREDITEM ... por causa da ajuda.    (diálogos, p.154)

Sim, esse é o perigo, o grande perigo que ronda todos aqueles que são capazes de « ajudar », e hoje estes são uma legião : gurus, mestres espirituais, padres, professores, médicos, psicólogos e tantos outros !
Todos, em geral, em boa fé.
Esse risco é grave, muito grande porque temos de enfrentá-lo sozinhos :

NISSO NÃO PODEMOS AJUDAR…
SÓ ADVERTIR.  (diálogos, p.82)
Ora, eu não consigo impedir que as pessoas façam projeções em mim.

Mas posso perfeitamente, ao contrário, impedir que essas projeções me toquem.

Como ?
Simples como uma lei mecânica.

Se as projeções não encontram nada que as atraia,

Se em mim não houver o menor desejo de grandeza, de poder ou de posse, essas projeções não encontrarão nenhuma área de apoio :
elas voltam naturalmente a sua fonte.

Mas do que se trata, em verdade ?
Da servidão mais sombria (porque é extremamente difícil de detectá-la)
ou da independência mais soberana.

Um pergunta se impõe por ela mesma, agora:
qual é o estado daquele que está além de qualquer projeção ?

O SÁBIO … PERMANECE IMÓVEL NA OBSCURIDADE.
ELE NÃO ANDA… NÃO AVANÇA…
SEU CORAÇÃO NÃO ESPERA POR NADA…

NÃO HÁ MAIS NADA A ESPERAR...

SUA MÃO NÃO PEDE MAIS...
MAS ELE AGE.       (diálogos p.290)



Para mim, Hanna foi « aquela que transmite » por excelência.
Seu coração não esperava por mais nada,
Não havia mais nada a esperar...

Sua mão não pedia mais nada,
Não havia mais nada a pedir…

Mas o que ela transmitiu – os « diálogos » -
AGEM hoje em inumeráveis seres vivos.


Inédito de Gitta – Janeiro de 1992
(
Todos direitos reservados)



O texto acima foi retirado DAQUI.

A criatividade verdadeira é simples.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fique por dentro das promoções!

Subscribe to our mailing list

* indicates required
Email Format

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...